Criador de conteúdo: o que é e como se tornar um.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Você provavelmente já ouviu falar nessa nova profissão: criador de conteúdo. Mas será que sabe você sabe o que eles fazem de fato? Como ganham dinheiro e como se tornaram uma autoridade na internet? Se não, não tem problema. Nesse artigo vamos falar sobre como produzir conteúdo para redes sociais que vão te trazer resultados verdadeiros e como profissionalizar essa atividade aumentando a sua relevância no meio digital.

O que é ser um criador de conteúdo?

Os criadores de conteúdo são pessoas que oferecem informações sobre algum nicho em diferentes formatos. Pode ser ebooks, email, posts no instagram, vídeos no youtube, blog posts e muito mais. O objetivo é compartilhar informação com as pessoas que te seguem e que gostam de ouvir o que você tem a dizer. 

Geralmente os criadores de conteúdo de muito sucesso tem um público alvo bem definido e compartilham uma quantidade grande de informação com os seus seguidores em diferentes formatos e momentos. 

Além disso, os criadores de conteúdo também gostam de compartilhar um pouco da vida pessoal nos stories para que os seus seguidores consigam criar uma conexão maior com a pessoa ao ver o dia a dia e os bastidores por trás de toda aquela produção perfeita. 

E como se tornar um criador de conteúdo de sucesso?

Existem muitas práticas diferentes para fazer sucesso no mundo digital dependendo do seu nicho, especialidade, personalidade e muito mais. Porém, hoje vamos falar algumas dicas que servem para todo mundo e que com certeza vão te ajudar a ser um criador de conteúdo bem sucedido. 

Estude sobre o assunto antes de falar dele.

Uma das coisas mais tristes que pode acontecer com você como criador de conteúdo é perder a autoridade. E uma das coisas que pode fazer com que a sua autoridade vá lá embaixo é falar coisas completamente erradas sobre algum assunto. Ou seja: falar apenas com informações da sua cabeça. 

Quando gostamos muito de um assunto e começamos a falar sobre, muitas vezes nos empolgamos e achamos que já sabemos tudo que há para saber acerca dele. Porém é sempre importante continuar estudando sobre o assunto mesmo quando você já sabe muito. Sempre vão haver novidades, exceções e coisas que você não sabia. Então nunca deixe de pesquisar bastante antes de compartilhar conteúdo na internet. 

Escreva, escreva e escreva um pouquinho mais.

Quando você compartilha conteúdo com a sua audiência ele deve ser compreendido por ela. Para que isso aconteça e não haja interpretações muito conflitantes sobre a sua mensagem é importante escrever de forma clara e evitando ambiguidades.

Porém, para escrever bem é necessário prática e estudo. Algumas práticas podem te ajudar a evoluir cada vez mais nessa habilidade, como:

  1. Fazer cursos de redação de e correção de texto, copywriting e técnicas de escrita.
  2. Identificar as horas que você escreve melhor. Se você for uma pessoa que escreve melhor de manhã porque está mais disposto por exemplo, aproveite esses momentos para fazer seus conteúdos escritos. 
  3. Fazer muitos textos e sempre corrigir depois de um tempo buscando por pontos de melhoria. 

Seja consistente. 

Essa é uma dica que todos os criadores de conteúdo vão te falar se você pedir algum conselho. Consistência nas redes sociais é muito importante para aumentar o seu alcance, sua visibilidade e a conexão com o seu público.

Ser consistente depende de cada rede social, e vale a pena pesquisar sobre cada uma, entender o seu público e buscar compartilhar um pouco da sua vida pessoal nos stories também. 

Além disso, uma coisa que pode te ajudar a ser consistente mesmo quando estiver sem ideias é compartilhar conteúdos de outros criadores que tenham a ver com o seu nicho, dar os créditos e comentar sua opinião acerca, dando dicas que a outra pessoa não tenha dado ou levantando alguns pontos de concordância!

Só não se esqueça: não adianta ser consistente e ter um conteúdo ruim! Se você faz três posts por dia mas eles não são bons, é como se não tivesse feito nenhum. Então mais importante que a quantidade foque sempre na qualidade do seu trabalho. 

Crie conteúdo relevante para o seu público

Para se tornar um criador de conteúdo de qualidade, com engajamento e conexão com a sua audiência é necessário criar conteúdo que eles de fato gostem e queiram assistir e compartilhar com as outras pessoas. Para fazer isso existe um passo a passo bem básico e que com certeza vai te ajudar caso você não saiba por onde começar. 

Defina o seu público alvo e o seu nicho.

Quando você vai começar a compartilhar conteúdo na internet, um dos maiores erros é achar que você consegue falar de tudo. Sem falar no tempo gasto, é insustentável falar de muitos tópicos de uma só vez. Não só a sua audiência não será muito qualificada, quanto será dispersa. Então escolha bem o seu nicho para que as pessoas que venham a te conhecer gostem do que você tem a dizer e fiquem para te ouvir mais. 

Saiba o que esse público gosta de ver e ouvir. 

Fazendo uma pesquisa você consegue facilmente avaliar o que pessoas do seu nicho gostam de ver e compartilhar. Analisando outros criadores de conteúdo que tem o mesmo nicho que você, você consegue ver como eles abordam tópicos, fazem vídeos e compartilham conteúdos que engajam.

Mas olha lá hein! Não vale copiar o coleguinha. O mais legal na produção de conteúdo é a originalidade e fora que copiar o conteúdo de outra pessoa é crime e ela pode até mesmo te processar por isso. Então atenção!

Se organize.

O ativo mais importante para um produtor de conteúdo é o tempo. É com ele que você vai produzir conteúdos para diferentes plataformas, de maneiras diferentes e com assuntos diferentes. Por isso é importante fazer um calendário editorial (um calendário que fala o que você vai postar todos os dias) para não se perder no meio de tantas atividades. 

Interaja!

Depois de compartilhar o seu conteúdo, interaja com a conversa que se inicia! O seu objetivo é fornecer valor naquela rede. Então se as pessoas têm algo a dizer sobre o que você está compartilhando, interaja com elas! Responda-às, fale sua opinião sobre o assunto e não esqueça de respeitar opiniões diferentes da sua. 

Use todos os recursos disponíveis. 

Cada plataforma está em constante desenvolvimento. Sempre há algum lançamento, alguma função nova e alguma coisa que você pode usar para aumentar sua interação com a sua audiência. Então fique de olho nas coisas novas que as plataformas lançam e use e abuse desses componentes para aumentar seu alcance e influência nas redes.

Agora sabendo de tudo isso você deve estar se perguntando: “Okay, eu sei de tudo isso, parece ser algo extremamente interessante, mas como eu posso ganhar dinheiro com isso?” Então chegou a sua hora. Vamos falar sobre como profissionalizar a criação de conteúdo

Profissionalizando a criação de conteúdo

Existem diversas maneiras de profissionalizar a produção de conteúdo, porém hoje vamos falar sobre três formas de ganhar dinheiro com a criação de conteúdo para a internet.

Marketing de influência

Com certeza você tem os seus criadores de conteúdo preferidos. E com certeza você já viu algum deles fazendo publicidade para algumas empresas. Isso se caracteriza como marketing de influência. É uma estratégia que empresas usam que consiste em usar aquele influenciador como ponte para conversar com pessoas que possam vir a gostar de algum produto que aquela empresa tem para oferecer. 

Existem basicamente três maneiras de se usar o marketing de influência: por meio de permutas, publiposts ou parcerias. 

  1. Parcerias: Vamos supor que exista uma criadora de conteúdo que fale sobre sustentabilidade e ecologia. Uma loja por exemplo de ecobags pode entrar em contato com ela para propor uma parceria na qual ela falaria sobre o produto da loja e em troca ganharia ecobags grátis por um período x. Ela vai conseguir converter alguns clientes para essa loja justamente por causa da conexão e da confiança que criou com os seus seguidores.
  2. Publiposts: Os publiposts tem basicamente a mesma premissa. A diferença é que enquanto as parcerias têm maior flexibilidade, (podem ser feitas nos stories, sem muita ênfase) os publiposts geralmente são posts no feed do produtor de conteúdo falando sobre o produto da empresa e geralmente é fechado por algum preço x em dinheiro. 
  3. Permuta: É quando o produtor de conteúdo usa da sua influência para conseguir coisas que precisa em diferentes lugares. Por exemplo um blogueiro de viagem pode fazer uma permuta com um hotel e fazer “publicidade” do local em troca de estadia. 

Mas lembre-se: para conseguir boas coisas com o marketing de influência é importante ter um público fiel, um bom mídia ou profile kit e ser profissional no momento de conversar com as empresas.

Conclusão 

Agora que você já sabe sobre essa carreira é importante dar o primeiro passo. Crie a sua conta e comece! Com dedicação, conteúdo de qualidade e seguindo as dicas desse artigo com certeza você será um produtor de conteúdo extremamente bem sucedido. 

Separamos esses posts para você