5 passos para você começar a cobrar pelo seu conteúdo

Escrito por Lastlink

Escrito por Lastlink

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Introdução 

Se você possui uma aptidão a respeito de algum assunto, e decide compartilhar essas experiências e conhecimentos nas suas redes sociais já é um grande motivo para você começar a pensar em cobrar pelo seu conteúdo. Afinal, essa produção de conteúdo é um trabalho e você pode ser remunerado por ele. 

Mas se você ainda não sente confiança, ou não sabe se é o momento ideal para começar a cobrar pelo seu conteúdo, acompanhe este artigo. Nele vamos mostrar tudo que você precisa saber e os motivos para você começar a cobrar pelo seu conteúdo nas redes sociais. Acompanhe! 

Passo 1 – Faça uma auto-avaliação do seu perfil

Se você já está pensando em cobrar pelo seu conteúdo, é muito importante que você saiba avaliar os seus números. E para isso, existem duas métricas que são essenciais para determinar se você terá sucesso: que são o seu alcance e seu engajamento. Vamos explicar um pouco dessas duas métricas abaixo. 

Alcance

O alcance é basicamente o número total de pessoas que você consegue atingir com algum tipo de conteúdo. Na maioria das vezes, esse número está diretamente relacionado ao seu número de seguidores nas redes sociais, ou a quantidade de pessoas que você tem em uma lista de contatos (emails, telefone, etc). 

Uma dica para começar a pensar sobre o alcance é se perguntar: se eu lançar um produto amanhã, quantas pessoas irão ficar sabendo? O número que você encontrar será o seu alcance.

Esse número é muito relevante pois é com ele que você poderá estimar o seu possível faturamento. Um exemplo: se você procura faturar R$1.000 por mês com seu conteúdo e acha que consegue cobrar uma assinatura de R$10, você precisaria converter 100 pessoas para alcançar esse objetivo.

Para você ter uma ideia, um criador de muito sucesso consegue converter em média 1% da audiência. Ou seja, para faturar R$1000,00 por mês cobrando R$10,00, você precisaria ter aproximadamente um alcance de 100.000 pessoas.

Entretanto, o alcance não é o único número determinante para ter sucesso ao cobrar pelo seu conteúdo. Seu engajamento é tão importante quanto e vamos falar dele no próximo tópico. Continue acompanhando! 

Engajamento 

O engajamento é uma combinação do número de likes, visualizações, comentários e compartilhamentos de seus posts. E aqui é importante ressaltar que  mesmo que você tenha uma grande lista de emails ou um número relevante de seguidores, se eles não interagem frequentemente com seu conteúdo, provavelmente você não está pronto para pedir para eles pagarem por um plano de assinatura para você.

Os números são importantes, é óbvio, porém no final das contas o que você precisa se perguntar é: 

  • Eu tenho um número significativo de pessoas consumindo frequentemente meu conteúdo e elas aparentam estar super interessadas em o que eu tenho para falar?

Se você achar que a resposta é sim, você está pronto para cobrar de sua audiência.

Passo 2 – Crie um grupo gratuito para depois oferecer um grupo pago

Uma das estratégias mais eficientes para começar a cobrar pelo seu conteúdo, é criar um grupo gratuito antes de oferecer uma assinatura para o seu grupo pago.

Neste caso, você pode usar o seu grupo gratuito como uma espécie de degustação de seu conteúdo exclusivo que atrai novas pessoas para a sua comunidade. Afinal, como é muito mais simples atrair pessoas para participarem de um grupo gratuito, ele acaba se tornando um anúncio para seu conteúdo pago.

Agora, é importante ter muita atenção. Um erro muito comum que vários criadores acabam cometendo é oferecer um conteúdo inferior e muito raso no grupo gratuito, pois eles acreditam que isso irá fazer com que as pessoas paguem pelo grupo vip, em busca do conteúdo mais aprofundado. Porém, o que acontece nesses casos é: as pessoas não engajam em seu grupo gratuito e assumem que seu grupo pago também é ruim.

Por isso, uma boa estratégia é colocar o melhor do seu conteúdo em seus grupos gratuitos e oferecer um maior volume, intimidade, dedicação do seu tempo e presença no grupo pago.

Pois quando você estiver com um grupo gratuito cheio e engajado, você não terá só adquirido o conhecimento necessário para oferecer um produto de altíssima qualidade em seu grupo pago. E assim, você terá também mais facilidade para converter os membros mais engajados do seu grupo gratuito em membros pagantes. 

Na maioria dos casos um criador de conteúdo bem sucedido consegue converter 10% dos membros de um grupo gratuito para um grupo pago.

Passo 3 – Defina um um preço para cobrar pelo seu conteúdo 

Depois de ter definido o seu alcance, engajamento e ter feito um grupo gratuito que esteja cheio de pessoas entusiasmadas com a comunidade que você criou, estará na hora de definir um preço para seu grupo pago.

Essa etapa de precificação do conteúdo gera muitas dúvidas, e caso você queira saber mais sobre como definir o preço do seu conteúdo, clique aqui. 

De uma forma mais simples, você pode começar se perguntando: “Quem é a pessoa que pagará pelo meu grupo?”. Ter em mente a condição financeira e o comportamento de sua audiência é essencial para não errar em sua precificação.

Conheça sua audiência

Se seu grupo é sobre o mercado de apostas esportivas e você atrai uma audiência com maior condição financeira, você pode cobrar um valor mais alto. E da mesma maneira, se você está oferecendo uma consultoria para pequenos empreendedores, que não possuem renda dispensável, você deveria cobrar um valor mais condizente com a realidade da sua audiência. 

Você deve também realizar pesquisas com a sua audiência, para tentar entender um pouco mais do seu público e o quanto eles estariam dispostos a pagar por um conteúdo exclusivo. 

Defina suas metas

Outro fator determinante é a expectativa de quanto você deseja faturar com seu conteúdo. Esse valor normalmente está relacionado ao tempo que você está disposto a dedicar para nutrir e manter seu grupo engajado. Para isso, você pode seguir esses passos:

  1. Estime sua conversão com o número de membros que você possui em seu grupo gratuito. Por exemplo: se você possui 1000 pessoas no grupo gratuito e você acredita que consegue converter 10% das pessoas, você terá, inicialmente, 100 membros pagantes.
  2. Depois, defina uma meta de faturamento que tenha sentido para você. Por exemplo, se você deseja faturar R$10.000 por mês e consegue converter 100 membros pagantes, você deve então cobrar o valor de R$100 por mês pela vaga em seu grupo.

Caso você não consiga alcançar um faturamento razoável logo de cara, não desista. O mais importante é executar, mesmo que não alcance seus objetivos nos primeiros meses. E uma ótima maneira de aumentar seu alcance, engajamento e o número de membros em seu grupo gratuito é oferecer um conteúdo de altíssima qualidade. Pois, mesmo que você consiga vender somente 20 vagas, esses 20 membros podem se apaixonar pelo seu produto e indicar para outros amigos, família e colegas de trabalho. 

Passo 4 – Lançamento do grupo pago

Se você passou pelos 3 passos anteriores e já está confiante sobre tudo que falamos acima, significa que está na hora de lançar o seu grupo pago.

Para isso, preparamos algumas dicas para você ter sucesso neste lançamento. Confira!

Escolher uma data de lançamento.

Essa etapa é importante pois você precisa de ter de uma a duas semanas para você aquecer sua audiência.

Criar seu Grupo na LastLink

O próximo passo é criar o seu grupo na LastLink e aproveitar para fazer uma página de vendas de uma forma que esteja claro o objetivo que seus membros irão alcançar e o valor que eles irão receber ao participar de seu grupo pago. 

A LastLink oferece a página de vendas para que você divulgue e venda os acessos ao seu Close Friends. Além de serem otimizadas para aumentar a conversão, as páginas de venda da LastLink, contam com os pixels de rastreamento FB e Google ajudando você a aumentar suas vendas.  

E nós ainda realizamos o gerenciamento dos membros do seu canal. Ou seja, a plataforma adiciona quem efetuou o pagamento e remove quem está inadimplente. Tudo isso de forma simples e automatizada para que você gaste o seu tempo apenas produzindo conteúdo de valor para os seus assinantes.  

Quer saber mais sobre como a LastLink pode te ajudar a ganhar dinheiro com seu grupo pago? Clique aqui para conhecer!  

Aquecer a Audiência

Agora é hora de aquecer a sua audiência. E para isso, você precisa maximizar a exposição do seu público à notícia que você está lançando um grupo pago. Para isso você pode:

  • Postar algo relacionado ao seu lançamento todos os dias. É muito importante que você aproveite todas as oportunidades para relembrar sua audiência do lançamento do seu grupo pago. Muitas vezes as pessoas precisam ver pelo menos 3 vezes o mesmo conteúdo começar a despertar o interesse. Sendo assim, se você postar conteúdo sobre seu lançamento todos os dias aumenta a sua chance de atingir mais pessoas com maior frequência.
  • Anuncie todos os dias também em seu grupo gratuito que você estará lançando um grupo pago. Afinal, os membros do grupo gratuito são os seus seguidores mais engajados e com maior propensão a te apoiar em seu novo projeto.
  • Peça a todos os seus amigos e familiares para compartilharem seus posts. Essa estratégia é simples e extremamente efetiva. Seu alcance e exposição se multiplicam a cada amigo que decide te ajudar a divulgar seu lançamento.
  • Crie anúncios do seu conteúdo no Facebook ads. Não é preciso que você seja um expert em marketing digital para criar anúncios simples no Facebook. Uma estratégia de fácil execução e que resulta em ótimos resultados é coletar emails e telefones dos membros de seu grupo gratuito e criar um público Look-alike 1% para impulsionar seus posts sobre o lançamento. Mesmo gastando o mínimo que o Facebook permite diariamente, você poderá ter resultados incríveis.

Passo 5 – Jamais desanime e mantenha o seu engajamento

Pronto! Agora você já lançou seu primeiro grupo pago e agora é oficialmente um criador na LastLink. 

Se você obteve bons resultados de primeira, parabéns! Agora, se você obteve menos vendas do que esperado, não desista. Lembre-se de focar em aumentar seu alcance, engajamento e o número de pessoas em seu grupo gratuito.

Também é importante diagnosticar em qual dessas etapas você não teve tanto sucesso. Assim você conseguirá descobrir onde você deve investir mais tempo e recursos para melhorar suas conversões.

É válido ressaltar também que nenhuma métrica irá garantir o sucesso de seu lançamento. Os parâmetros de conversão apresentados são apenas um guia para você entender melhor sobre o seu negócio. Essas taxas variam drasticamente dependendo do que você está oferecendo, de quanto você está cobrando e de quem é sua audiência. 

O mais importante após o lançamento de seu grupo pago é continuar entregando conteúdo de altíssima qualidade. Mesmo que isso signifique engajar somente 10 pessoas no começo. Faça com que essas 10 pessoas se apaixonem pelo seu produto e convidem, cada uma, 10 novos amigos a participar. 

Lembre-se também, de pedir feedback para os membros pagantes, eles que te darão os melhores insights para você melhorar e crescer seu produto.

Separamos esses posts para você

como-funciona-o-telegram

Como funciona o Telegram

Hoje em dia, com a popularização dos smartphones, é praticamente impossível encontrar alguém que não tenha algum aplicativo de mensagens instalado. O

Crie sua comunidade e comece a monetizar seu conteúdo!